5 Motivos para adorar Girls In The House

Impossível ignorar o alvoroço que está se formando em volta da série “Girls In The House” nesses últimos dias. E se você ainda não ouviu falar sobre essa série, volta de Marte e venha conferir com a gente curiosidades e motivos para amar essa maravilha.

Girls In The House é uma simsérie (série feita no jogo The Sims) de comédia, que é produzida, escrita, dublada e dirigida por Raony Phillips. A série conta a história de três meninas, que trabalham na Pensão da Tia Ruiva: Honey, Duny, e Alex.

Se você conhece GITH e quer saber mais ou se ainda não conhece e quer se juntar ao grupo de “Housers”, confira mais abaixo, porque eu vou expor ela!

 

Duny

Motivo 1: Duny

Essa personagem merece uma atenção especial. Duny é aquela personagem apaixonante que todas as séries têm. Completamente louca e politicamente incorreta, a loira já é a preferida de 10 entre 10 fãs da série.

Sem papas na língua e sempre com alguma resposta bem ácida, as falas de Duny já estão entre as mais replicadas na internet. Sempre com sacadas irônicas, aliado a uma ótima dublagem e um gestual muito característico do The SIms, é impossível não rir.

Uma curiosidade é que a personagem é tão amada que tem um canal próprio com músicas cantadas por ela (tem até feats com Iggy Azealea e Jennifer Lopez), clipes musicais e uma série spin-off de “Girls In The House” chamada “Disk Duny”. Que aliás, foi por causa de “Disk Duny” que o canal RAOTV se popularizou na internet.

 

Motivo 2: The Sims

Vai soar meio repetitivo, visto que eu já citei acima que o gestual característico do jogo “The Sims” é uma das partes mais engraçadas da série. Mas não tem como não falar sobre essa ideia genial que é traduzir as emoções dos bonecos do jogo.

Simséries não são nenhuma novidade no Youtube, mas nunca uma simsérie foi tão bem produzida como “Girls In The House”.

E se, assim como eu, você já jogou muito “The Sims”, a série vai se tornar ainda mais engraçada. Pois alguns dos gestos presentes na série são completamente normais no jogo e, em diversas situações, uma mesma expressão pode significar várias coisas em GITH. Vale muito a pena prestar atenção nesses detalhes!

texto

 

Motivo 3: Dublagem

A dublagem de “Girls In The House” é um capítulo à parte. Ela é feita, praticamente toda, pelo próprio idealizador da série: Raony Phillips.

Um homem dando a própria voz para tantas personagens femininas torna tudo um pouco mais engraçado. A voz e o estilo de Duny, por exemplo, fazem lembrar até a personagem Princesa Caroços de “Adventure Time”, que assim como a loira, também é dublada por uma voz masculina e de jeito grosseiro. É incrível.

 

Motivo 4: Texto

Sacadas geniais são o grande forte da série. As frases que os personagens soltam são dignas de serem emolduradas e lidas todos os dias.

O texto tem falhas normais, mas é evidente que deve ser difícil para uma pessoa só fazer todo o trabalho de continuidade da série como o Raony faz. Então, vamos deixar passar batido. Até porque, as falas são tão bem escritas e tem tanto peso que é difícil não achar tudo maravilhoso.

Acho difícil você não ter lido em nenhum lugar nos últimos dias as frases: “Eu vou expor ela na internet!”, “Khloe ia postar uma foto do cu da Chloe Moretz, mas esse não era o cu dela” ou “Cobra é cobra, né?! Ela não vale o boleto que cobra” e várias outras. Tem como não se apaixonar?

 

Motivo 5: Referências

As referências da série são muitas e o tempo todo. Além da participação de vários famosos, volta e meia os personagens soltam frases da Inês Brasil, por exemplo. Além de ser também uma fábrica de memes. Confira alguns abaixo:

 

1-vert

 

3

 

4

 

5

 


 

Não tem como não amar “Girls In The House”. A série tem duas temporadas, episódios especiais e spin-offs. Garanto que você vai querer devorar tudo de uma vez só, assim como eu fiz.

 

Você gosta de GITH? Já viu? Quer ver? Tem dúvidas? Comenta ali embaixo ou senão eu vou navalhar a sua cara!

 

Comece a acompanhar GIRLS IN THE HOUSE agora:

 

 

Carson Sousa
Roteirista e Criador de conteúdo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *